19 Respostas to “Apólogo do surfista”

  1. Adriana Fegyveres Says:

    Nossaaaaaaaaaa! Que lindo isso! Gostei tanto…fui lendo, sabe? Na crista da onda! rs Fluiu, parabéns!

  2. Stelio de Carvalho Neto Says:

    Valeu Dri!

  3. Lauro Says:

    Biscoito fino, Stelio… Muito bom.

  4. usernarme Says:

    Beleza, Stelio! Na minha onda, você já sabe… que depois inevitavelmente volto para a praia para fazer um churrasquinho canibal (capitalita + machista + sal) ahahah
    beijos

  5. Juliana Says:

    Stelinho, quero dormir de conchinha!!! Beijo!

  6. Débora Says:

    Stelio,

    Pergunta: Nessa Terra-Networking como Encontrar alguém silente e capaz de acompanhar sua solidão?

    Débora

    • Stelio de Carvalho Neto Says:

      Na busca por esse silêncio, apostei na análise. Aliás, nem sabia que era isso que eu estava procurando. Aliás, nem estava procurando por isso, mas foi o que me ofertaram. Aceitei.

      Interessante essa idéia de uma solidão “acompanhada” … Parece tratar-se do amor: acompanhar e ser acompanhado na solidão, isto é, “solitários, mas bem acompanhados!” Chegando aí, estaremos para mais além do divã …

  7. Débora Says:

    Stleio,
    Parece que o Heidegger não gosta de falar de “amor”. Fala de cuidado (sorge), talvez para evitar o engano metafísico da “presentificação”. Não sei… Será? Preciso estudar. Mas seja lá o que for esse tal “cuidado” acho que tem a ver com que estamos falando. Ou não.

    • Stelio de Carvalho Neto Says:

      Parece que tem! “Sorge” também pode ser traduzido como “cura” (nesse sentido é utilizado por Freud). Dei uma olhada no Ser e Tempo: a palavra Liebe aparece apenas na nota iv do capítulo VI (justamente o capítulo que trata do ser de Dasein como “cuidado”). Sorge é o que interessa! Benditos os momentos em que encontramos Heidegger, esse cuidador dos ditos.

  8. Débora Says:

    Ainda não me aventurei pelo Ser e Tempo. Li a Origem da obra de arte, O que significa pensar e agora estou em A introdução da filosofia. É incrível saber que existiu alguém tão alto assim…


  9. Brow, estou um turbilhão de sensações após ler, q vai da angústia ao êxtase. Me sinto livre dentro do mar, e ao mesmo tempo preso, vigiado…marcado. Porém, as vezes, no outside, vc sózinho lá funcione como a “caverna” liberando-nos a viagens looongas e de compreensões…ilusão? tanto melhor 😉

  10. ana rüsche Says:

    stelio!
    pra falar que achei e te dei os créditos das fotografias.
    acho que convivi muito tempo com surfistas na infância, mas nunca me tornei uma. fiquei pensando agora.
    beijo e te leio no papel de luz

  11. Rodrigo Camargo Says:

    Stelio,
    depois de nosso papo de ontem curiosamente pensei:
    vc por acaso assistiu ao “Breaking the waves” do Lars von Trier?

    Aliás, esse filme me inspirou o título de uma sessão de um capítulo de meu mestrado.

    Infelizmente, no entanto, tal filme não foi
    lançado ainda em DVD.

    Abs do Rodrigo.

    • Stelio de Carvalho Neto Says:

      Fala Rodrigo!

      Não vi “Breaking the waves”, mas encontrei um torrent do filme: vou baixar. Ontem assisti ao “Sacrifício”, de Tarkowski. Fiquei pensando o quanto é pertinente tomar o “Anti-Cristo” como um comentário a esse filme …

      Abraço,
      Stelio

      • Lauro Says:

        Stelio, eu tenho “Sacrifício” em DVD. Não poderíamos fazer uma sessão no Fórum, ou mesmo em algum outro canto?

      • Stelio de Carvalho Neto Says:

        A idéia é ótima! Vamos tratar de efetivá-la!

  12. Rodrigo Camargo Says:

    Stelio,
    noto nesse breve espaço um lapso em meu comentário anterior ao substituir ‘seção’ por ‘sessão’. Enfim, acho que vale “o sacrifício”. E de secção em secção a galinah enche o pote… Agora falando sério: acho boa a ideia da projeção. Assim tb como passar “Ondas do destino”.

    Abs do Rodrigo.

  13. elias Says:

    porra stelinho detonou!!!
    muito bom seu texto.

    procurei pelo teu nome na net e me deparei com esta joia.

    estou com saudades vou ligar no numero que tenho pra ver c t encontro

    um abraço


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: